quinta-feira, 27 de março de 2008

UM CHEIRINHO DA PÁSCOA 2008 EM MONCHIQUE

*

ESTA PÁSCOA 2008, MARCOU DE NOVO E DE FORMA ESPECIAL A VIDA DESTE GRUPO DE FAMÍLIA E AMIGOS, QUE UMA VEZ POR OUTRA PARTE EM AVENTURAS CARREGADAS DE SITUAÇÕES INESPERADAS, MENOS AGRADÁVEIS OU SIMPLESMENTE FABULOSAS.
"ORGANIZAÇÕES LACERDA" CHAMAM-LHE TODOS, PORQUE POR VEZES AS COISAS SAEM BEM E OUTRAS HÁ EM QUE SAEM... MENOS BEM...
NO FIM, SEMPRE FICA A SAUDADE E DURANTE ANOS A FIO, RECORDAMOS COM ALGUMA NOSTALGIA TODAS ESTAS EPOPEIAS QUE VIVEMOS EM CONJUNTO.
O AMOR, A SOLIDARIEDADE, A UNIÃO E A AMIZADE SÃO O FACTOR COMUM A TODAS ESTAS INICIATIVAS, E SÃO A CHAMA QUE NOS TEM MANTIDO UNIDOS.
É VERDADE QUE O GRUPO TEM VINDO A AUMENTAR DE NÚMERO, E É BOM QUE ASSIM SEJA PORQUE A VIDA NÃO PÁRA E DÁ SINAIS DE QUE SE ESTÁ BEM ENTRE NÓS.
QUERO DEIXAR UMA PALAVRA DE AGRADECIMENTO A MEU CUNHADO, AMIGO E IRMÃO, SEMPRE PRESENTE E SACRIFICADO A ATURAR OS NOSSOS "PUTOS" DE SORRISO NOS LÁBIOS E QUE NO FIM NOS PRESENTEIA SEMPRE COM ESTES PEQUENOS FILMES QUE IRÃO ETERNIZAR E SELAR TÃO GRANDES CRUZADAS.
BEM HAJAS BIG RIVER, QUE O POSSAS CONTINUAR A FAZER DURANTE MUITOS E MUITOS ANOS PORQUE ISSO SERÁ O SINAL DE QUE POR CÁ CONTINUAREMOS UNIDOS E FORTES COMO SEMPRE!

António Inglês

8 comentários:

Sophiamar disse...

Isto é que foi divertir! Mas o friozinho da serra não deve ter faltado!
Fico feliz por te saber faliz. É assim a amizade.

Beijinhosssss mil

Brancamar disse...

Adorei António,
O filme está bem divertido.
Parabéns ao teu cunhado.
Mas escreveste muito, olha a mão, cuidado!
Beijinhos

elvira carvalho disse...

Que pena que dias tão felizes tenham acabado com essa arreliadora ferida na mão, não é mesmo?
Um abraço

Ernesto Feliciano disse...

Excelente filme - grande realização.

Um abraço.

António Inglês disse...

Isabel

O frio não faltou, mas a lareira e o calor humano fizeram que nem desse-mos por ele..
Foram dias para recordar mais tarde e sempre...
Um beijinho
António

António Inglês disse...

Branca

Eu tentei sempre continuar a escrever e talvez isso tenha feito com que tivesse de parar por uns dias.
O meu cunhado é uma máquina...
Um beijinho
António

António Inglês disse...

Elvira

Pois foi, mas sabe que na altura, embora me tivesse doido não valorizei o golpe. O ambiente era tão absorvente que nada me conseguiria fazer perder um minuto que fosse da companhia dos amigos e familiares...
alguns deles vindos de tão longe.
Um grande abraço
António

António Inglês disse...

Amigo Ernesto
Já tem disponível um novo filme mais completo onde poderá ver melhor o que realmente se passou naqueles três dias...
Tenho pena que não pudesse ter ido connosco pois teria gostado, embora aquela cena de termos de subir setenta metros a pique não fosse muito agradável...
Um abraço
António