terça-feira, 11 de março de 2008

A ARTE DA SEDUÇÃO!

*
ANDAR SEXY PARA ENGANAR OS HOMENS


Cientistas que analisaram o andar feminino afirmam que o caminhar sexy é um mecanismo que as mulheres desenvolvem no período menos fértil para esconder dos machos indesejáveis o verdadeiro período de ovulação.

Quando uma mulher anda pelas ruas a rebolar demais, o mais certo é não está na ovular. A conclusão é de um estudo sobre os sinais sexuais emitidos pelas mulheres aos homens, publicado na revista «NewScientist» e citado pelo site Globo.com.

Uma equipa da Queen`s University de Ontário, no Canadá, vestiu algumas mulheres voluntárias com roupas equipadas com reflectores de luz colocados nas articulações, nos braços e nas pernas e filmou-as a caminhar. As mulheres também forneceram amostras de saliva para que os níveis hormonais fossem analisados.



As voluntárias que estavam nos períodos férteis andaram com movimentos de quadril mais discretos e com os joelhos mais aproximados.

Os cientistas mostraram os vídeos a 40 voluntários homens e pediram-lhes para elegerem o andar mais sexy. As vencedoras foram aquelas que estavam no período menos fértil do ciclo menstrual.

O estudo parece ir contra outra pesquisa recente que aponta que os homens respondem com mais entusiasmo às mulheres em período de ovulação. Essa análise demonstrou que as dançarinas ganham mais gorjetas durante o período fértil. Mas os investigadores canadianos acreditam que não há contradição porque as mulheres férteis dão sinais quando os homens estão mais perto. Esses sinais surgem através de moléculas olfactivas chamadas feromonas e também em expressões faciais.



Por outro lado, o homem pode captar o andar sedutor de uma mulher a longa distância. E um caminhar sexy, visto de longe, pode depois agir como um sinal não-intencional para machos menos atractivos

Assim, um andar menos sexy no período da ovulação dá à mulher uma vantagem evolucionaria: ela pode «esconder» o seu período fértil de um homem indesejável. O andar sexy seria então uma pista falsa para iludir os homens que não agradaram.



A RECEITA INFALÍVEL PARA SEDUZIR



Nem roupas bonitas nem jóias nem perfumes caros. O segredo da sedução assenta em algo muito mais simples. Um estudo feito por psicólogos britânicos concluiu que olhar directamente nos olhos e um sorriso podem tornar uma pessoa oito vezes mais atraente.

«Descobrimos que as pessoas gostam mais de pessoas com um olhar directo do que daquelas que desviam o olhar», afirmou à BBC, o chefe da equipa de investigação.



Os voluntários, de ambos os sexos, que participaram neste estudo foram confrontados com várias imagens de homens e mulheres felizes ou aborrecidos. As imagens foram agrupadas em pares, em que uma pessoa aparecia a olhar directamente para a câmara ou a olhar para o lado.

Quer os homens quer as mulheres escolheram sempre os que tinham um ar feliz e sorriam e os que olhavam de frente para a câmara. E não só as escolheram como disseram sentir-se sexualmente mais atraídos por estas pessoas.

Fontes:

Textos: P. Diário

Fotos: da Net

18 comentários:

big river disse...

Amigo Antonio Inglês a arte da sedução utilizada pelas mulheres ,as vezes balanceiam-se tanto que até acabam estateladas. Nos homens somos muito mais descomplicados. Seduzimos no dia a dia preservando as amizades e nesse capitulo eu e tu somos excelentes sedutores.
Gosto mais do António Inglês que do José Gonçalves.
Um abraço

amigona avó e a neta princesa disse...

Mas tu lembras-te de cada coisa!!!!!!!!!!! Espectáculo!!!!!!
Beijo...

António Inglês disse...

É lá Big River, deu-te para comentares esta postagem? Muito bem..
Tens de ler as entrelinhas do artigo, porque há mulheres e mulheres. Eu até acho que entre homens e mulheres a arte da sedução se deve manter mesmo para lá dos muitos anos de casados. Isso para mim é o sal de uma união e dá-lhe conforto e segurança.
A maioria dos casais esquece-se disso e daí que os divórcios sejam a forma encontrada para cada um seguir a sua vida pois partem convictos de que a sua relação estará esgotada. Penso que a maior parte deles não tenta nem se lembra de continuar a namorar pela vida fora, e até se esquecem os dois que quando casam, para além de estarem a constituir uma família, têm de saber ser companheiros e os melhores amigos um do outro.
Falta muito diálogo aos casais e isso é fatal.
Eu já sabia que gostavas mais do António Inglês do que do Zé Gonçalves, porque eu também, mas foi assim que tudo se proporcionou e foi assim que teve de ser.
Rapaz porta-te bem, e .... está quase a nossa partida para o Algarve...
Um abraço
António Inglês

António Inglês disse...

Amigona

Depois de uma postagem bem carregada de coisas que devem ser faladas e lembradas por forma a que a prevenção seja mais eficaz, lembrei-me de aligeirar um pouco o ambiente e encontrei este estudo que desanuvia tudo isto um pouco.
E não deixo de falar em mulheres, já reparas-te???
Um beijinho
António Inglês

Sophiamar disse...

Este post merece um comentário maior.Deixo-te beijinhos, grandes, amigos mas voltarei à tardinha para comentar este teu interessante post. Ai, este big river, não gostei lá muito dele.Estateladas?
Vens para o Algarve? Olha trá-lo e dá-lhe ares da serra.

Beijinhosssss mil e tantos, mano Tó.

Até já!

António Inglês disse...

Bom dia Isabel

Cá fico à tua espera.
Quanto ao Big River, é bom rapaz e está brincando, porque ele é mesmo assim, isto para além de ser meu cunhado.
O que ele diz é bem verdade, somos excelentes sedutores, mas da nossas mulheres. Ele é um brincalhão e se o conhecesses pessoalmente terias oportunidade de constatar aquilo que te digo.
Realmente vamos para o Algarve, mais propriamente para Monchique, e vamos cinco casais com os filhos.
Arranjámos uma casa que dá para todos nós. Penso que vai ser giro pois somos família e amigos todos 5 estrelas.
Um beijinho e até logo.
António Inglês

amigona avó e a neta princesa disse...

Meu Deus, tanta gente!!!! 5 casais e filhos???!!! É de fugir!!!Mas também é assim que eu gosto! Gostei de conhecer o cunhado...Beijocas amigão e continuo (como tu) a não me conformar com a Lisa...dá-me vontade de lhe dar um estaladão (eu que não faço mal a uma mosca!)e de a obrigar a ALEGRAR-NOS os dias!!! Não percebo, sinceramente, o que se passou! Um comentário infeliz e parvo é que é bem tratado e os amigos mandam-se às urtigas??!!!!!!!!!!!!!Ou a Lisa anda a passar um mau bocado ou não é quem julgávamos...mas tenho tantas saudades da nossa "piquena"...deu-me momentos tão bons...isto nãodevia ser assim! Não devia custar nada! Isto é virtual, como se misturam aqui sentimentos???!!!!!!
Beijos, amigo...

Um Momento disse...

uau mas que post elucidativo:)))

Obrigada pois deliciei-me a ler:)))

Desejo um lindo dia!

(*)

Entre linhas... disse...

Bem meu amigo após alguma ausência aqui estou.
Fartei-me de rir com o seu post,mais elucidativo que não pode ser ahhaah,mas que raio porque será que ás vezes as montras diferem tanto do armazém?
Será que existe resposta? ihih
Bjs Zita

António Inglês disse...

Amigona

Pois é como dizes, esta história da Lisa não me parece muito bem contada. Existem ali contornos mal definidos que ainda não consegui entender. Eu fiz-lhe um último comentário sobre isso. Então depois daquela afronta e desconsideração em frente de todos, ela ainda nos pede para não a tratar-mos mal....
E depois percebi que até ao telefone já teriam falado... e por mail... sinceramente não percebo.
Tens toda a razão no que dizes, connosco corta, que estivemos ao lado dela, e com a vilã entra em diálogo....
Bem, acho que devemos esperar com calma o desenrolar dos acontecimentos, mas que ela faz falta faz... tinha começado uma "famíla" dos diabos com ela....
Talvez aquilo tenha sido um problema de ciúmes.... não sei...
Quanto às minhas férias da Páscoa, somos mesmo cinco casais com os filhos crescidos e menos crescidos.
Vai ser giro.
Um beijinho
António Inglês

António Inglês disse...

Um momento

Ainda bem que gostou!
Eu também gosto de estar a par destas coisas....
Um beijinho
António Inglês

António Inglês disse...

Olá Zita

Que ausência... mas ainda bem que voltou.
Quanto ao assunto da postagem eu sempre defendi que nunca se deve avaliar uma carta só pelo envelope...
é que às vezes não está lá nada dentro, ou muito pouco...
Um beijinho
António Inglês

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá amigo António, adorei o texto... Belíssimo!
Mas, o que eu adorei mesmo, foi a resposta que deste ao Big... Assim, deveria ser sempre!
Meu querido, muitos beijinhos de carinho.
Fernandinha

Sophiamar disse...

Meu Querido Amigo

Pois tive de reler o post para ligar o fio à meada. Tu descobres com cada coisa! Homens e mulheres não podem deixar de seduzir-se uma vida inteira porque aí está o segredo de um amor longo e temperado com todos os condimentos que lhe dão o paladar. Quanto a mim, estas saias demasiado curtas, o vestuário muito justo e feromonas à solta, nada tem a ver com o meu conceito de sedução. Um largo sorriso, um olhar brilhante, uma voz doce e um diálogo constante são o segredo de uma relação para a vida. Nada de exageros porque a maior parte das vezes eles apenas escondem problemas que existem no relacionamento do casal.
Namorar, namorar, namorar enquanto a vida ajudar.
Olha, leva beijinhos e não esqueças, se puderes, vai ver a procissão das tochas floridas em S. Brás de Alportel no Domingo de Páscoa.
Vale a pena!

Deixo-te beijinhosssss e namora muito, muito,muito...

António Inglês disse...

Olá Fernandinha

Pois esta é a maneira como penso e se penso, logo existo, e se existo, logo ponho em prática.
Acho que a vida tem de ser levada assim mesmo.
Obrigado pelas tuas palavras.
Deixo-te um grande beijinho
António Inglês

António Inglês disse...

Olá Isabel

Pois eu também estou de acordo contigo, mas um pouco de ousadia introduzida em determinados momentos da vida de um casal não se perde nada. Depois é a palavra e o gesto certo no momento exacto. Condimentando tudo isto com um diálogo constante e uma amizade sincera, está meio caminho andado para o sucesso.
Os exageros como dizes, escondem sempre algo.
Deixo-te mil beijinhos
António Inglês

Brancamar disse...

Diverti-me a ler este post e as diferentes e contraditórias teorias. Mas, cá para mim também acho que não há nada como a sedução de um olhar sincero. Uma boa conversa olhos nos olhos e o encantamento da descoberta da essência de cada um é a receita para muitos momentos mágicos e como dizes cultivar isso toda a vida é importante, porque nos vamos sempre redescobrindo...
No entanto como em tudo a maturidade ensinou-me que não há receitas infalíveis para nada.Pode-se namorar toda a vida, mas é preciso que namorem os dois.Há pessoas que azedam muito com a idade e o facto de terem muito boas teorias e práticas durante 30 ou 40 anos, de um momento para o outro podem descambar. Muitas vezes o namoro manteve-se porque foi sempre um a ceder e a lutar pela relação, muitas vezes até educou o outro nesse sentido, mas quando o comodismo e o egoísmo se instala não existem receitas, por isso não podemos ser tão peremptórios a afirmar que os divórcios se podem evitar com muita conversa e amizade, é preciso que os dois queiram e saibam conversar e assim sim, claro que é preciso namorar e manter a chama...
Beijinhos

Geo disse...

A arte é maior que o quadro...rsrsrs...mas o quadro faz parte dela...talvez não goste de metáforas, mas não resisto...rsrs...gostei muito do post, fiquei mais esperta...rsrsrs

Beijo

Geo