segunda-feira, 26 de novembro de 2007

ESPÉCIES EM VIAS DE EXTINÇÃO


O CACHALOTE

Ficha técnica: Baleia Cachalote

Physeter macrocephalus

Características principais: O maior cetáceo com dentes, é distinto, e difícil de ser confundido com outras espécies. A principal característica do cachalote é a sua cabeça grande rectangular, que corresponde até 40% do seu comprimento total. A sua coloração é escura e uniforme, indo do cinza ao marrom. A pele do cachalote é enrugada, principalmente na parte posterior do corpo. O cachalote foi caçado nas águas do arquipélago português dos Açores até 1984.

Tamanho:
Os filhotes nascem com 3,5 a 4 metros. Fêmeas adultas atingem 12 metros e os machos 18 m.

Peso: O peso médio do macho é de cerca de 45 toneladas, e o da fêmea 20 toneadas.

Gestação e cria: Aproximadamente onze meses. Nasce apenas uma cria, pesando cerca de 1 tonelada.
O cachalote é o exemplo típico de uma espécie que se crê ter-se desenvolvido sob condições ambientais muito estáveis. Esta evolução relativamente "fácil" conduziu a uma taxa de natalidade baixa, maturação lenta e grande longevidade. As fêmeas dão à luz uma vez cada quatro a seis anos, com um período de gestação de pelo menos 12 meses podendo atingir mesmo os 18 meses. As crias são amamentadas durante dois ou três anos. Nos machos, a puberdade dura cerca de dez anos entre as idades de 10 e 20 anos. Os machos mantêm-se em crescimento até cerca dos 50 anos de idade, altura em que atingem o seu tamanho máximo. Os cachalotes podem viver cerca de 80 anos.

Alimentação:
Variedade de peixes, lulas e polvos.

Distribuição: Desde os trópicos até às bordas dos packice em ambos os hemisférios,porém apenas os machos se aventuram a atingir as porções extremas do norte e sul de sua distribuição.

Ameaças:
Por causa dos seus caros produtos, como o espermacete e o âmbar-gris, o cachalote tem uma das mais antigas e contínuas histórias de exploração entre os cetáceos. As redes de deriva de alto mar, são outro problema para o cachalote, que acidentalmente se emalham nestas redes.

Imagem e texto tirados da net.

José Gonçalves

10 comentários:

Sophiamar disse...

Um post muito bem feito ainda que seja recolhido da net. É que saber pesquisar e transmitir também é um dom e este é mais um que tu também tens.Gostei muito. Tem muito interesse para todos nós e devemos transmiti-lo aos nossos jovens para que este paraíso onde vivemos ( apesar de tudo amo a vida e as pessoas) não acabe por perecer definitivamente.
Continua, Zé! Só tenho a agradecer-te! Tudo!
Beijinhos para todos vós aí.
Uma boa semana!

São disse...

Pena é que mais uma vez a humanidade seja hipócrita e a cace para "fins científicos"...
Boa semana!

Jose Gonçalves disse...

Sophiamar

Tenho sempre muita curiosidade nestas questões. Um dia destes trago aqui também dentro das espécies em vias de extinção, as plantas que estão em iguais circunstâncias.
Vou buscar os textos e muitas fotos à net, porque ela é uma fonte inesgotável de informação.
Beijinhos
José Gonçalves

Já vou para outra reunião e logo de tarde tenho mais duas. Isto está complicado, não te admires.

Jose Gonçalves disse...

São

Bom dia. Pois é, em nome de muita coisa têm-se cometido inúmeras barbaridades. Tem sido a forma de muitos enriquecerem, mesmo que isso ponha em causa a sobrevivência de uma espécie, seja ela animal ou não.
Uma boa semana
José Gonçalves

elvira carvalho disse...

agora não retrocede. Faço um comentário e se quiser fazer um segundo tenho que fechar, voltar ao Sexta feira e voltar a entrar no blog que quero comentar. Pode?
E logo eu que em informática sou um calhau com olhos...
Gostei do texto. Pelo menos sempre vão aprendendo alguma coisinha.
Um abraço e desculpe mas estou tão chateada com isto que nem comento como deve ser.
Um abraço

Jose Gonçalves disse...

Elvira

Não se amofine tanto, estas coisas da net são assim mesmo.
Por vezes fico danado com o meu PC pois bloqueia completamente.
Dou-lhe um exemplo: quando tento aceder ao blog da momentos, o meu PC parece que fica maluco. Não consigo deixar-lhe comentários, bloqueia, desliga, não sei o que se passa.
Com o seu, por caso há uns tempos que me aparecem uns macacos no canto inferior esquerdo. Tenho de os fechar, mas isso são vírus e publicidade que se mete nos nossos computadores.
Eu percebo muito pouco de informática, o que tenho aprendido é à custa de muitos erros. Isto vai lá...de vagar claro...
Não se atrapalhe. Se as coisas se complicarem terá de chamar alguém que lhe tire esses vírus todos.
Um abraço
José Gonçalves

avelaneiraflorida disse...

Amigo José Gonçalves,

Ainda bem que estes dados são aqui deixados para quem os quiser colher!!!

Nem sempre se fazem boas pesquisas na net!!! Estou cansada de o dizer aos meus" Besouros" que não pegam num livro e vão a correr para a net achando que lá tudo é mais rápido e perfeito!!!!

Já lhes falei no seu cantinho, alguns deles vieram espreitar. Um dis destes não se admire, por favor, se algum deixar " rasto"!!!!
Desde que não tenha erros...

Bjks!!!!

Belisa disse...

Deveras interessante!
Obrigado!

Bjs estrelados

Jose Gonçalves disse...

Avelaneiraflorida

Obrigado pelas suas palavras e por ter falado no meu cantinho aos seus "besouros".
Não faz mal nenhum que me visitem e até deixem comentários. Seria interessante.
Daqui da Escola EB2+3/S de São Martinho do Porto, sei que há um grupinho que me visita, mas já os avisei de que as coisas que deixo no meu canto poderão não estar correctas de todos pois muitas vezes colhemos coisas que não são inteiramente verdade.
Será sempre melhor consultar a documentação existente para cada matéria que procuram.
De resto até me agrada que o façam.
Para si um grande beijinho de amizade
José Gonçalves

Jose Gonçalves disse...

Olá Belisa

Matéria interessante mesmo.
Um beijinho
José Gonçalves